ITALY MUSEUM: Ingressos Museus. Roteiros guiados e experiências
Agência de Turismo Italiana Oficial

Descubra Arezzo e Cortona

Todas as Categorias

Roteiros Privados

Descubra Arezzo e Cortona: aproveite nosso roteiro com um guia privado!

Adicionar à Lista de Desejos

Passeio Privado em Arezzo

Roteiros Privados

Passeio Privado em Arezzo

Visite Arezzo com uma guia experiente e descubra a Piazza Grande, o Duomo e os tesouros escondidos na parte mais oriental da Toscana!

  • confirmação por email

  • voucher eletrônico aceito

  • Duração: aprox. 3 horas

  • guia privado

A partir de 12.00 €

Reservar

Adicionar à Lista de Desejos

 Passeio Privado em Arezzo com Degustação

Roteiros Privados

Passeio Privado em Arezzo com Degustação

Uma interessante visita guiada para descobrir Arezzo e os seus tesouros, com degustação de produtos típicos incluída!

  • confirmação por email

  • voucher eletrônico aceito

  • Duração: aprox. 3 horas

  • guia privado

A partir de 27.00 €

Reservar

Adicionar à Lista de Desejos

Passeio Privado em Cortona

Roteiros Privados

Passeio Privado em Cortona

Descubra Cortona com um guia privado e visite este centro de cultura etrusca e também o cenário do filme "Sob o Sol da Toscana"!

  • confirmação por email

  • voucher eletrônico aceito

  • Duração: aprox. 2 horas

  • guia privado

A partir de 12.00 €

Reservar

Adicionar à Lista de Desejos

Passeio Privado em Cortona com Degustação

Roteiros Privados

Passeio Privado em Cortona com Degustação

Uma visita guiada fascinante com degustação de produtos típicos locais no maravilhoso cenário do filme "Sob o Sol da Toscana"!

  • confirmação por email

  • voucher eletrônico aceito

  • Duração: aprox. 3 horas

  • guia privado

A partir de 27.00 €

Reservar

POR QUE VISITAR AREZZO E CORTONA?

Por que visitar Arezzo? Porque você poderá descobrir um território que tem a oferecer um vasto patrimônio natural e artístico em uma área concentrada. Descubra Arezzo caminhando pelo coração dessa vila medieval e admire a sua arquitetura e as obras de Giorgio Vasari e Piero Della Francesca, que contribuíram para a herança de Arezzo com seus legados artísticos e arquitetônicos.
Por que para visitar Cortona? Porque é uma das vilas muradas mais famosas da Valdichiana. Porque é considerada uma das cidades medievais mais conservadas do ponto de vista arquitetônico e encontra-se sobre uma colina de onde é possível ver o vale da Valdichiana. Porque Cortona permanecerá no seu coração com o seu encantador fascino de vila de origem etrusca.

UM POUCO DA HISTÓRIA DE AREZZO E DE CORTONA

Arezzo: Arezzo é uma cidade muito antiga, mais antiga de Alexandria, no Egito, e é por isso que vale a pena conhecer seu passado. Arezzo foi uma das maiores comunidades etruscas e depois se tornou um centro romano de importância estratégica e com uma próspera atividade econômica. Era conhecida pela produção de tijolos e de cerâmica com tinta vermelha.
Na Idade Média a expansão de Arezzo foi interrompida por Florença. Após a Batalha de Campaldino, em 1289, a independência da cidade terminou e, apesar de uma certa recuperação econômica, Arezzo passou a ser de domínio florentino e tornou-se parte do principado dos Médici a partir de 1384.
Embora com a Segunda Guerra Mundial parte da cidade medieval tenha sido destruída, o centro de Arezzo conserva monumentos maravilhosos, igrejas, edifícios e museus. Muitas personagens ilustres nasceram em Arezzo, entre elas Giorgio Vasari, Piero della Francesca, Guido Monaco, Francesco Redi e Petrarca.
CORTONA: a história de Cortona remonta à civilização etrusca que explorou a posição estratégica da cidade para controlar os territórios vizinhos e que, para protegê-la de ataques inimigos, construiu impressionantes muralhas defensivas. Após a chegada dos romanos e a sua posterior ocupação, começou um período de instabilidade que durou os primeiros séculos da Idade Média. No início do segundo milênio, Cortona se tornou um município livre e pouco depois começaram as alianças e guerras com outras cidades nas disputas entre guelfos e gibelinos. A partir do século XV, Cortona caiu sob o domínio de Florença e sofreu influências artísticas do Renascimento O centro histórico de Cortona foi enriquecido com preciosas obras arquitetônicas e nos séculos seguintes, até o Ressurgimento, a cidade foi alvo de disputas políticas e territoriais entre potências estrangeiras.
No século XX, Cortona se desenvolveu economicamente com a criação de gado da raça chianina, com a produção agrícola e também industrial. Nos últimos anos, o turismo também cresceu com o agroturismo e estruturas ligadas ao território da Valdichiana. Cortona oferece não somente belezas histórico-artísticas, mas muitas atividades ao ar livre.

O QUE SÃO CORTONA E AREZZO ATUALMENTE?

Arezzo é uma cidade cheia de tradições antigas, no penúltimo sábado de junho ou no primeiro domingo de setembro, a Piazza Grande se transforma no cenário da Giostra del Saracino, um torneio de cavaleiros de origem medieval. Também nessa praça e em grande parte do centro histórico, no primeiro final de semana de cada mês é realizada a Feira de Antiguidades, um mercado de objetos surpreendentes onde você poderá praticar a arte da negociação, pechinchando o preço.
Cortona é uma pequena vila medieval de Valdichiana, na província de Arezzo, delimitada por uma muralha onde ainda é possível ver traços etruscos e romanos. Cortona foi construída em uma colina e sua elevada posição garante uma excelente vista das esplendidas paisagens da Valdichiana. O símbolo de Cortona é o Palazzo Comunale, com a torre do relógio e a sua escadaria de "pietra serena" com vista para a Praça da República.

CURIOSIDADES SOBRE AREZZO E CORTONA

Você sabia que a Basílica de São Francisco é uma das igrejas mais antigas e bonitas de Arezzo? Esse edifício gótico do século XIII foi reconstruído no século XIV inspirado na simplicidade estética franciscana. No seu interior é possível admirar os afrescos de Piero della Francesca que retratam as quinze cenas da Lenda da Verdadeira Cruz, concluídos em 1466. Atualmente é permitida a entrada de pequenos grupos de visitantes para admirar esse precioso legado, uma obra-prima renascentista de valor inestimável.
Você sabia que as muralhas da cidade de Cortona possuem 6 portas? É uma indicação do quanto as origens da cidade são antigas. As Portas são: Porta Sant'Agostino, Porta Berarda, Porta Bifora, Porta Colonia, Porta Montanina e Porta Santa Maria. Dessas portas, somente a Porta Bifora é de origem etrusca, enquanto as outras são da Idade Médica ou do Renascimento.

O QUE VER EM AREZZO E EM CORTONA

No primeiro dia, propomos como ponto de partida a Piazza Grande de Arezzo, também conhecida como Piazza Vasari. A Piazza Grande, no coração central da cidade, é uma das praças mais bonitas da Itália e está cercada por edifícios de diferentes épocas que vão da Idade Média ao Barroco. Na praça há edifícios medievais, como o Palazzo Tofani e a Torre dei Lappoli, enquanto no lado norte fica a Loggia del Vasari.
Mais alto em relação à Piazza Grande está o Duomo da cidade, dedicado a San Donato, uma construção iniciada no século XIII que só chegou a sua conclusão após 1500, com uma fachada do século XX. Dentro da igreja, dividida em três naves, você poderá admirar os vitrais realizados por Guilherme de Marcillat e a Madalena de Piero della Francesca. Sobre a colina de San Donato também está a Fortaleza dos Médici, que é um exemplo de arquitetura militar defensiva do século XVI. As arquibancadas da Fortaleza são um ponto com vista panorâmica para a cidade, para o vale do Arno, o Pratomagno e para o alpe di Catenaia.
Um dos tesouros dessa bela cidade encontra-se na Piazza San Francesco, onde, dentro da igreja homônima, é possível admirar os extraordinários afrescos da Lenda da Verdadeira Cruz de Piero della Francesca. Outra igreja que merece ser visitada é a Igreja Santa Maria della Pieve, chamada pelos moradores de Arezzo de "La Pieve", uma obra-prima da escultura medieval em estilo românico, com uma maravilhosa fachada com colunata.
No segundo dia comece o seu itinerário com uma pequena viagem de 40 minutos até Cortona. Comece a sua visita no centro histórico que se estende em torno da Praça da República, com vista para o Palazzo Comunale. Cortona é uma cidade pequena que oferece vários pontos interessantes para visitar como o Museu Diocesano, onde você poderá admirar um belo painel da Anunciação de Fra Angelico, o Museu da Academia Etrusca e da Cidade de Cortona, onde estão expostos muitos achados provenientes das várias áreas etruscas da região.
Você também poderá visitar o belo Santuário de Santa Margherita e a Fortaleza de Girifalco, que estão localizados no ponto mais alto da colina, onde você pode facilmente chegar a pé através de uma curta caminhada, mas em subida. Seguindo o caminho que percorre as muralhas da cidade, você poderá admirar a bela vista dos arredores. A Fortaleza del Girifalco, construída para fins militares, só pode ser visitada em parte devido às alterações sofridas ao longo dos séculos.
Andando pelas ruas e estradas de Cortona, você encontrará várias pequenas lojas que vendem artesanato e gastronomia local, tudo nas ruas principais. Na região são produzidos excelentes vinhos e não faltam enotecas, portanto, pare e prove a tradicional cozinha local e toscana e desfrute de um bom vinho!

A Toscana Oculta: Atrações